sexta-feira, 20 de março de 2015

05 livros para se ler neste outono

O começo de uma nova estação é sempre tempo para iniciarmos mudanças e adaptações em nossas vidas. Após um verão bastante ardente, eis que chega a época das folhas secarem, os dias começarem a ficar mais curtos e as temperaturas finalmente caírem. E que tal um livro para acompanhar? Aproveitamos que as editoras estão cheias de novidades e selecionamos 5 sugestões de lançamentos (um livro de cada editora), que vão se tornar os queridinhos da estação, com muito mistério, amor, terror, suspense e aventura.

1.       Sedução Mortal – A lenda de Montpellier, de Sari Luhtanen & Miikko Oikkonen
Em Sedução Mortal  - A lenda de Montpellier,  acompanhamos a trajetória da jovem Didi, que descobre tarde demais que não é uma jovem normal. Após seu namorado morrer em seus braços, no momento em que ela perde a virgindade, Didi descobre através de duas mulheres intrigantes, Nádia e Kate, que ela é uma Ninfa.  Elas lhe ensinam as regras de sobrevivência que as ninfas precisaram seguir através dos séculos, e a lição principal é a de que o sexo é indispensável para mantê-la viva. Entretanto, logo ela descobre que isso tem um preço muito alto. Entre perseguições de um inimigo milenar em nome de uma lenda e a força de uma paixão arrebatadora, Didi precisa decidir se vai pagar o preço de viver esse
amor por inteiro ou se vai preservar a vida de seu amado mas abrir mão dele.

2.       Brutal, de Luke Delaney
Brutal é o primeiro thriller policial de Luke Delaney, que serviu por muitos anos na polícia londrina investigando crimes diversos, dos cometidos por assassinos em série aos resultados de conflitos entre gangues e máfias. No livro, Sean Corrigan é o herói que encarna a missão de desvendar mortes e descobrir quem os cometeu, e fazê-los pagar. Corrigan, no entanto, não é um detetive comum.  Sua infância sofrida e traumática – era abusado sexualmente pelo pai – despertou nele uma conexão com o lado obscuro do ser humano. Ao investigar cada morte, o detetive consegue imaginar – e mesmo sentir – o que motiva o assassino a realizar suas mortes. É essa intuição poderosa que vai orientar Sean Corrigan e sua eficiente e leal equipe na busca pelo assassino de Daniel Graydon.

3.      O Voo da libélula, de Michel Bussi
Um avião cai na fronteira entre a França e a Suíça, deixando apenas uma sobrevivente: uma bebê de 3 meses. Porém, havia duas meninas no voo, e cria-se o embate entre duas famílias, uma rica e uma pobre, pelo reconhecimento da paternidade. Numa época em que não existiam exames de DNA, o julgamento estende-se por muito tempo, mobilizando todo o país. Seria a menina Lyse-Rose ou Émilie? Mesmo após o veredicto do tribunal, ainda pairam muitas dúvidas sobre o caso, e uma das famílias resolve contratar Crédule Grand-Duc, um detetive particular, para descobrir a verdade. Em O voo da libélula, o leitor é guiado pela escrita do detetive enquanto acompanha a angustiada busca de uma garota por sua identidade. Agraciado com 4 prêmios na França, O voo da libélula teve seus direitos vendidos para 25 países e ganhará uma adaptação cinematográfica.

4. Will e Will: Um nome, um destino, de David Levithan & John Green
   Will e Will: Um nome, um destino é o primeiro livro com personagens gays a figurar na lista do The New York Times. Em uma noite fria, numa improvável esquina de Chicago, Will Grayson encontra... Will Grayson. Os dois adolescentes dividem o mesmo nome e a dor do coração partido. Um Will é amigo do mais expansivo gay de sua escola. O outro precisa explicar à própria mãe sua orientação sexual. Até que Tiny, o melhor amigo gay do primeiro Will, acaba se tornando o possível amor do outro Will. Apesar das origens completamente diferentes, esses inesperados encontros fazem com que os meninos de mesmo nome estejam prestes a embarcar juntos em uma aventura de épicas proporções. Amor adolescente, intriga, raiva, sofrimento e amizade. Tudo isso temperado com doses maciças de comédia.

5.      O Cemitério, de Stephen King
Uma das histórias mais terríveis de Stephen King, O cemitério mostra como a dor e a loucura, muitas vezes, dividem a mesma estrada. Louis Creed, um jovem médico de Chicago, acredita que encontrou seu lugar em uma pequena cidade do Maine. A boa casa, o trabalho na universidade e a felicidade da esposa e dos filhos lhe trazem a certeza de que fez a melhor escolha. Num dos primeiros passeios pela região, conhecem um cemitério no bosque próximo à sua casa. Ali, gerações de crianças enterraram seus animais de estimação. Mas, para além dos pequenos túmulos, há um outro cemitério. Uma terra maligna que atrai pessoas com promessas sedutoras. Um universo dominado por forças estranhas capazes de tornar real o que sempre pareceu impossível. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário