quarta-feira, 18 de março de 2015

7 dicas para aprender a ler mais depressa e melhor

Certamente você conhece alguém que já disse ser capaz de ler 70 ou mais livros por ano. Você tem quase certeza de que essa pessoa não é um alienígena disfarçado, mas ainda assim se pergunta “Como é possível!?”.
Confira abaixo 7 dicas capazes de te ajudar a ler de forma rápida  – e, importante dizer, com atenção - todos aqueles livros que você foi ajuntando nas suas prateleiras enquanto sua lista de livros novos só aumenta.


Dica 1 – Use um ponto focal
Quando você lê, seus olhos não ficam realmente fixos em um determinado ponto. Na verdade, eles estão frequentemente dando breves espasmos de movimentos, ainda que você não seja capaz de perceber, de seu centro de foco para reunir mais informações. Assim, ainda que você esteja olhando fixamente para uma frase, seus olhos estão observando o conjunto todo do texto. E isso involuntariamente desconcentra e te faz perder tempo de leitura. A solução para isso é se utilizar de um ponto focal.
O ponto focal mais comum é a ponta de seu dedo: basta colocar o indicador abaixo de uma linha de texto e movê-lo enquanto você lê. Inicialmente, sua leitura será mais lenta do que a leitura regular, mas depois que você se acostumar com o movimento, você irá ler de uma forma mais eficaz.

Dica 2 – Ler mais rápido envolve controle, não velocidade
Ler mais rápido é sobre como controlar sua taxa de leitura, não sobre como aumentar a velocidade. Se você estiver em um carro de corrida, a velocidade máxima é importante, mas ainda mais importante é a habilidade do motorista em ajustar a velocidade e a direção antes de fazer curvas delicadas. A capacidade de controlar a sua velocidade fará de você um leitor muito mais eficiente do que apenas passar os olhos por pontos importantes sem absorver o conteúdo deles. Por exemplo, em um livro que estou lendo agora, o autor frequentemente recorre a 2 ou 3 parágrafos de descrição para explicar uma ideia recorrente. Os parágrafos não são idênticos, mas são semelhantes o suficiente para que eu possa usar o meu dedo para folhear o conteúdo e ainda assim receber a mensagem.

Dica 3 – Leia sem sub-vocalizar
Quando a maioria das pessoas aprendem a ler, elas tendem a vocalizar as palavras dentro de suas cabeças. Nós, inconscientemente, repetimos as palavras em nossas mentes, como se estivéssemos fazendo uma leitura com uma voz interior. Sub-vocalizar nem sempre é ruim – ela nos ajuda a entender e seguir uma narrativa, na verdade. Porém, a nossa “voz interior” não é necessária para nossa compreensão. Ser capaz de ler sem sub-vocalizar é como adicionar um equipamento extra para o seu motor. Ele pode abrir a velocidade máxima de sua taxa de leitura, o que é particularmente útil para uma leitura rápida.
Como fazer isso:  Pratique movendo o dedo mais rápido do que você pode ler as palavras em voz alta dentro da sua cabeça. Isso vai fazer você quebrar o hábito de sub-vocalizar automaticamente.

Dica 4 – Leitura ativa
A leitura da velocidade requer uma leitura ativa. Isso significa que, em vez de apenas supor que a informação vai saltar para fora do livro, você se torna uma espécie de detetive curioso: Antes de começar a ler, prepare sua mente perguntando o que você está esperando encontrar em determinado livro ou texto. Mesmo se você não estiver 100% certo do que vai aprender, esse exercício permite que seu cérebro perceba detalhes relevantes mais rapidamente. Leitura ativa também significa parar para pensar sobre como você lê. Se você encontrar algo interessante, pause para refletir ou até mesmo anotar a informação. Você prefere ler algo hoje e esquecer amanhã, ou lê-lo profundamente e torná-lo uma parte de você?

Dica  5 – Saiba quando desacelerar
Como eu mencionei na dica 2, a velocidade de leitura é sobre o controle, e não apenas sobre a velocidade. Muitas pessoas se gabam pela rapidez com que leram um longo livro, mas essas mesmas pessoas confessam depois que se lembram de pouco do que leram. Assim como às vezes é útil acelerar para mover-se rapidamente através da escrita com uma baixa densidade de informação, muitas vezes você precisa ir mais devagar para pegar os trechos importantes ou confusos.

Dica 6 -  Torne o material mais interessante
Eu sei, muitas vezes parece impossível. Mas você pode tornar o texto mais interessante se você fizer algum esforço antes de pegar o livro.  Não, você não pode fazer temas chatos ganharem vida como se fossem o mais recente thriller de ficção. Mas você pode torná-los interessantes o suficiente para que você possa manter o foco durante a leitura. É tudo sobre como manter a mente aberta para o que o texto pode lhe ensinar. Se você achar o tema mais interessante, você vai ser capaz de ler com foco total. Foco completo pode reduzir a quantidade de tempo de leitura em até 1/3, sem qualquer perda na compreensão. Isso deve ser um incentivo suficiente para ajustar a sua atitude!

Dica 7 – Velocidade de leitura vem com a prática
A melhor técnica para uma leitura mais produtiva e veloz é esta: leia mais para ler mais rápido. Quando você lê regularmente um livro por semana, a sua taxa de leitura vai melhorar. Pilotos de corrida não nasceram pilotos de corridas. Tornaram-se grande corredores através da constante prática. Da mesma forma, se você não tem certeza de quão rápido pode ler um livro ou um texto, essas incertezas podem ser eliminadas com a prática.

Leia um texto com seu ritmo de leitura regular e, em seguida, releia o mesmo texto utilizando as dicas acima para notar o quanto você melhorou. Conte-nos depois a sua experiência!
Possui alguma dica própria para ler melhor e mais rápido? Compartilhe com a gente! 



Nenhum comentário:

Postar um comentário